O longa A Forma da Água de Guillermo del Toro foi o vencedor do PGA Awards, prêmio anual do Sindicato dos Produtores e um dos mais importantes termômetros do Oscar.

O PGA Awards usa o mesmo sistema de voto preferencial da Academia, no qual os votantes devem elaboram um ranking dos melhores filmes para chegar ao maior título que agrada a maioria. Além disso, os produtores que votam no prêmio do Sindicato são, em grande parte, membros da Academia que vão selecionar também o melhor filme do ano.

O prêmio fortalece a campanha de A Forma da Água, que tem sido considerado um dos favoritos nesta temporada, mas passou por derrotas para Três Anúncios para um Crime no Globo de Ouro e no SAG Awards.

Fonte da imagem: Divulgação/Fox Searchlight

O PGA e a Academia coincidiram na escolha do melhor filme em muitas ocasiões, mas nos últimos dois anos divergiram em suas premiações. O PGA elegeu A Grande Aposta e La La Land em 2016 e 2017, respectivamente, enquanto o Oscar premiou Spotlight e Moonlight.

Nas outras categorias do Producers Guild of America Awards: Viva! – A Vida é uma Festa venceu como produção de longa de animação; Jane foi eleito melhor documentário; enquanto as novatas The Handmaid’s Tale ganhou como série dramática e The Marvelous Mrs. Maisel venceu como série de comédia.