A forma como os personagens da TV se comportam nos inspira todos os dias na vida real. É por isso que, em parte, nossos modelos acabam sendo moldados também pela ficção! Quem passou a adolescência assistindo a Gilmore Girls, por exemplo, sem dúvida pensa em Lorelai como uma referência quando o tema é maternidade!

Com o Dia das Mães chegando, que tal lembrar de algumas mães altamente exemplares que estão fazendo história no universo das séries e criando bons modelos para nos espelharmos?

Atypical

Como a imensa maioria das mães de crianças com autismo, Elsa Gardner (Jennifer Jason Leigh) moveu montanhas para tornar a vida de seu filho Sam mais agradável e garantir que seus direitos fossem cumpridos. Ela não é perfeita e cometeu alguns erros durante a primeira temporada de Atypical, mas sem dúvida é um exemplo de mãe a ser seguido!

Big Little Lies

Celeste (Nicole Kidman), Madeline (Reese Witherspoon), Jane (Shailene Woodley), Bonnie (Zoë Kravitz) e Renata (Laura Dern) não concordam em quase nada. Exceto pelo fato de que todas elas fazem o que for preciso para garantir o que há de melhor para seus filhos.

Se isso significa que elas estão fazendo o que é certo? É claro que não, mas que mãe sabe? E é por isso que Big Little Lies traz tantos exemplos de mães fortes e guerreiras, reais, super-heroínas à sua forma, de um jeito palpável — e não aquele modelo inalcançável que costumamos ver na TV!

Criminal Minds

A agente Jennifer Jareau (A. J. Cook) vai até onde for preciso se alguém mexe com sua família. E, embora ela nem sempre esteja fisicamente presente, sem dúvida sua cabeça está sempre com os dois filhos — mesmo quando está sofrendo tortura de criminosos durante episódios difíceis. Além disso, a J. J. também é um pouco mãe dos colegas de trabalho — especialmente de Reid, o que às vezes é um alívio para o B.A.U.

Designated Survivor

A família Kirkman é forte e unida, e o mérito não é do sobrevivente designado, o presidente dos Estados Unidos, Tom Kirkman. É, na verdade, da esposa dele, a primeira-dama Alex Kirkman (Natascha McElhone), que mantém a família unida durante o pesadelo que assola o país na série.

Law & Order: Special Victims Unit

Olivia Benson (Mariska Hargitay) vem sendo uma mulher inspiradora desde o primeiro dia em que a série foi ao ar, e a maternidade sempre foi uma questão delicada para ela.

Entre o medo de não dar conta de conciliar suas tarefas na polícia de Nova York e as demandas de mãe, ela levou bastante tempo até conseguir ter Noah, seu filho adotivo. Desde então, no entanto, ela é tão brilhante como mãe quanto é como detetive.

Aliás, maternidade virou assunto de SVU desde que Amanda Rollins (Kelli Giddish) também teve um bebê — e vem se saindo extraordinariamente bem.

Parenthood

É até injusto comparar Parenthood com outras séries, afinal o roteiro dela é todo sobre maternidade e paternidade. A série aborda as relações familiares ilustradas pelos Braverman, um verdadeiro clã formado por mais de uma dezena de pessoas.

E não faltam exemplos de mães se esforçando para dar conta de tudo. A começar pela matriarca Camille (Bonnie Bedelia), passando pelas filhas Sarah (Lauren Graham) e Julia (Erika Christensen), chegando também às noras Kristina (Monica Potter) e Jasmine (Joy Bryant), temos mães incríveis para nos espelharmos!

A série, claro, não é a única a tratar do tema, mas é uma das mais recentes. Antes dela ainda podemos citar Brothers & Sisters, que tem uma dinâmica muito parecida! Menção honrosa nesse caso para a mãezona Nora, interpretada pela maravilhosa Sally Field.

Perdidos no Espaço

Se tem uma mãe que literalmente viaja até o espaço sideral para garantir a segurança de seus filhos, essa mãe é Maureen Robinson (Molly Parker). E ela nem ia se importar de deixar John (Toby Stephens) para trás se isso fosse necessário para se assegurar de que Will (Maxwell Jenkins), Judy (Taylor Russell) e Penny (Mina Sundwall) vivessem com qualidade em Alpha Centouri.

Mas, além de se tornar uma leoa quando se trata de sua cria, Maureen é uma profissional extremamente habilidosa que preparou a prole para enfrentar os desafios da viagem espacial, capacitando-os para serem, eles mesmos, verdadeiros cientistas mirins.

Stranger Things

Joyce Byers (Winona Ryder) está bem longe de ser o estereótipo da mãezona 100% disponível e dedicada, que tem empregados ao seu dispor e tempo para deixar o lanchinho pronto para as crianças. Ela precisa trabalhar em horários não muito agradáveis e está sempre correndo para garantir ao menos o sustento dos filhos — já que o pai dos meninos foi embora. Mas, quando Will (Noah Schnapp) vai parar no mundo invertido, nem mesmo um Demogorgon é capaz de ficar entre ela e seu filho.

The Crown

Ser mãe já pode ser desafiador; você consegue imaginar ser a mãe simbólica de um país inteiro? Pois é, além de cuidar dos próprios filhos biológicos, a Rainha Elizabeth II (Claire Foy) ainda precisa tomar decisões que impactam em toda a Inglaterra. Ainda bem que ela tira de letra!

The Handmaid's Tale

Em um mundo onde pouquíssimos úteros continuam viáveis, quem tem a chance de ter um filho é considerado extremamente privilegiado. Até que as famílias sejam afastadas de suas crianças para que essas mulheres possam gerar outras, June/Offred (Elisabeth Moss) era uma ótima mãe para Hannah (Jordana Blake). Agora, grávida mais uma vez, ela sem dúvida vai fazer tudo o que puder para reunir sua família.

This is Us

This is Us chegou para limpar nossos canais lacrimais. Rebecca Pearson (Mandy Moore) parece ter nascido para elevar a nota de corte da maternidade, com seu jeito carinhoso, dedicado, esforçado, sempre com a palavra certa, a atitude ideal e um bom exemplo para oferecer para os seus três filhos.

A gente não pode esquecer, claro, outra mãe assustadoramente incrível da série: Beth (Susan Kelechi Watson)! Volta e meia, ela tem que lidar com os surtos de Randall (Sterling K. Brown) e, ainda assim, consegue conduzir as filhas com maestria.

Conte pra gente: que outra mãezona da TV você acha que merece estar nesta lista?

Este texto foi escrito por Lu Belin via nexperts.