Reed Hastings, o CEO da Netflix, diminuiu as críticas que a renovação de 13 Reasons Why para uma 3ª temporada vem recebendo. Durante um encontro anual de acionistas, quando perguntado sobre o assunto, Hastings foi direto: “É controverso, mas ninguém é obrigado a assistir”. Ele ainda completou dizendo que a série engaja as pessoas e vem tendo enorme sucesso e popularidade.

A 1ª temporada da série, baseada no livro de jovens adultos de Jay Asher com o mesmo nome, gira em torno da morte de uma menina do ensino médio que deixou para trás uma série de 13 fitas de áudio explicando o que a levou ao suicídio. Na segunda temporada, os pais de Hannah processaram o colégio, ao mesmo tempo, alguém começa a plantar uma série de polaroids sinistras apontando para uma conspiração para encobrir os erros cometidos por outros colegas.

Katherine Langford viveu Hannah Baker nas duas temporadas de 13 Reasons Why

13 Reasons Why é produzida para a Netflix pela Paramount Television. Enquanto a primeira temporada foi aclamada pela crítica e levantou um grande debate sobre os temas apresentados, o segundo ano foi bombardeado com críticas, com um índice de aprovação de apenas 27% no site Rotten Tomatoes.

Veja também:

O Minha Série está com uma novidade: a newsletter Intervalo! Semanalmente, a news entrega conteúdos exclusivos em um formato divertido e informal, que te deixará por dentro dos assuntos mais quentes do mundo do entretenimento. Assine aqui!