Tudo está pronto para que a Netflix comece a produção da 3ª temporada de 13 Reasons Why na próxima segunda-feira (13), exceto pelos contratos de seus oito astros principais.

Os atores Dylan Minnette, Brandon Flynn, Alisha Boe, Justin Prentice, Christian Navarro, Miles Heizer, Devin Druid e Ross Butler estariam negociando os valores de seus contratos após o sucesso das temporadas iniciais do programa.

No entanto, fontes do Deadline dizem que a produção está otimista que conseguirá chegar a um acordo com o elenco antes da data estipulada para o início das mesas de leitura dos roteiros. Caso isso não aconteça, as filmagens da 3ª temporada de 13 Reasons Why teriam que ser adiadas até que se resolva o impasse.

Minnette, que se tornou o único protagonista com a saída de Katherine Langford, receberia em torno de 80 mil dólares por episódio atualmente, e negocia um aumento desse número para 200 mil dólares. Já seus colegas estariam em um uma faixa de 20 a 60 mil dólares por episódios, e tenta aumentar esse valor para 150 mil.

13 Reasons Why: elenco negocia aumentos para 3ª temporada

Para efeito de comparação, o elenco infanto-juvenil de Stranger Things renegociou seus salários para a 3ª temporada em 250 mil dólares por episódio (os adultos recebem 350 mil dólares). Entretanto, é necessário lembrar que 13 Reasons Why terá novamente 13 episódios, enquanto Stranger Things trabalha com apenas oito, o que pode explicar a disparidade.

A plataforma de streaming anunciou que a série estava renovada para seu 3° ano menos de um mês após a estreia da segunda. As duas primeiras temporadas de 13 Reasons Why estão disponíveis na Netflix.

O Minha Série comemora 10 anos em 2018 trazendo novidades em conteúdos e serviços aos leitores. Queremos saber também o que você gostaria de ver em nosso site; entre em contato conosco através do email – [email protected] – e mande suas sugestões.