Homem-Aranha: Longe de Casa chega esta semana aos cinemas brasileiros. E, como dá para notar nos vários teasers que antecederam esse lançamento, alguns personagens devem ter muito destaque no longa. Entre eles estão, Mysterio, interpretado por Jake Gyllenhaal, e elementais de fogo, terra e água.

homem-aranhaFonte: Sony Pictures/Reprodução

Tudo bem que muita gente conhece essas figuras dos quadrinhos, mas a versão de Gyllenhaal para Mysterio é um tanto quanto diferente das revistas, assim como os outros. Para tirar as dúvidas e introduzir para quem nunca viu, falamos então sobre essas criaturas — sem spoiler.

Mysterio é um dos clássicos vilões do Aranha

Os trailers mostram Mysterio trabalhando lado a lado com o Amigão da Vizinhança durante uma reunião com Nick Fury. Mas, quem sabe da índole de Quentin Back, sabe que isso pode ser uma fachada para alguma vilania, especialmente devido ao seu histórico.

homem-aranhaFonte: Marvel Comics/Reprodução

Back apareceu na edição 13 de "The Amazing Spider-Man", de 1964, e desde então se tornou uma figura recorrente no Universo Marvel. Depois de falhar como ator e especialista em efeitos visuais, passou a usar suas habilidades de persuasão e ilusionismo para enganar e roubar pessoas — só nesse currículo já dá para suspeitar de qualquer coisa que o rapaz fale.

Com o tempo, ele foi mostrando excepcionais expertises em truques mágicos e hipnose, além de conhecimentos avançados em química e robótica e de excelente combate corpo-a-corpo. Ou seja, aquele vilãozinho de meia tigela do começo já trouxe muita dor-de-cabeça ao longo de sua carreira no crime.

A glória na batalha contra o Demolidor

Embora o vilão tenha aparecido com frequência entre os maiores antagonistas do Homem-Aranha, ele nunca foi levado muito a sério. A partir de 1981, em "The Spectacular Spider-Man" #51, o cara cresceu um pouco em popularidade quando passou a ser usado como uma boa “desculpa” para roteiros mirabolantes — afinal, suas habilidades podem explicar muita coisas como invasões alienígenas falsas.

Foi com Kevin Smith e o Demolidor é que ele se consagrou e subiu um importante degrau entre os personagens coadjuvantes. Na saga “Diabo da Guarda”, de Daredevil (vol.2) em 1998, Matt Murdock é levado ao limite físico e mental e, no final, descobrimos que o autor das vilanias era ninguém menos que Quentin Back. Na época foi algo surpreendente, porque pouquíssimas pessoas desconfiavam dele até a derradeira conclusão do arco, que durou 8 edições.

homem-aranhaFonte: Marvel Comics/Reprodução

A partir daí, Mysterio passou a ser considerado uma ameaça, digamos, mais respeitável. Em 2012, no primeiro encontro dos Homens-Aranha Peter Parker e Miles Morales, ambos descobriram que o Quentin Back da Terra 616 estava na Terra 1601 (Ultimate). Ele havia utilizado tecnologia avançada para romper a barreira entre os dois universos e usou um avatar robótico para se substituir quando não estava fisicamente presente.

Tá, mas e os elementais?

A Marvel Comics possui um poderoso quarteto que usa as forças primordiais da natureza para derrotar seus inimigos: Fogo do Inferno (fogo), Magno (terra), Hidron (água) e Zefir (ar) têm um passado desconhecido e seriam algo como deuses de outras realidades. Eles chegaram a enfrentar a Capitã Marvel, mas nunca foram assim muito populares.

Fonte: Marvel Comics/Reprodução

Quem são mais famosos são Magma (fogo), Homem-Areia (terra), que já esteve nas adaptações anteriores; e o Homem-Hídrico (água). Este último, inclusive, foi revitalizado na fase icônica de Todd McFarlane (criador do Spawn), nos anos 90. Como muita gente observou nos trailers, até mesmo alguns códigos em placas de carro ou do barco apontam para as edições nas quais esses personagens aparecem nas revistas.

Fonte: ScreenRant/Reprodução

O mais provável é que vejamos uma espécie de combinação dessas concepções de elementais, já que a ideia, acredito eu, não é dividir tanto tempo de tela entre Mysterio e esses outros vilões.

O jeito é ir para o cinema

Olha, sabemos bem que Kevin Feige, assim como os roteiristas e o próprio diretor Jon Watts, estão bem cientes de tudo o que disse por aqui e podem aguardar que essa “confusão” sobre as verdadeiras intenções e identidades de Mysterio e os Elementais é algo que trará muitas surpresas no filme.

Fonte: Sony Pictures/Reprodução

E, né, é o mínimo que esperamos em Homem-Aranha: Longe de Casa.

A matéria "Homem-Aranha: saiba quem são Mysterio e os Elementais nas HQs" foi escrita por Claudio Yuge para o TecMundo, um site da empresa NZN assim como o Minha Série.