Some Good News, programa do ator John Krasinski criado diretamente para mídias digitais e hospedado no Youtube durante a pandemia do coronavírus, foi adquirido pela ViacomCBS. 

A empresa fechou um acordo com o ator de The Office e deverá exibir o conteúdo produzido por Krasinski, além de seu formato, em várias plataformas de sua propriedade, como a CBS All Access, streaming da emissora.

De acordo com os termos da aquisição, Krasinski continua participando como produtor executivo. No entanto, ele não deverá mais apresentar a série que traz ao público apenas notícias boas durante o período conturbado em que vivemos. 

Com uma produção simples, já que tudo é gravado na residência do ator, no início desta semana, a série ganhou o Special Achievement Webby Award, prêmio de excelência na Internet. O logo do programa, abreviado para SGN, foi desenhada por sua filha.

(Youtube/Reprodução) Youtube/Reprodução

Some Good News estreou no final de março e já contou com a participação de personalidades importantes, como os atores Steve Carell, Robert De Niro e Samuel L. Jackson, a apresentadora Oprah Winfrey e o cineasta Steven Spielberg.

Inicialmente planejado para ter apenas 8 episódios semanais, o programa encerrou no último domingo (17) com a reunião do elenco de The Office. O canal já conta com mais de 2 milhões de inscritos e cerca de 70 milhões de visualizações totais.

“Não poderia estar mais empolgado e orgulhoso de fazer parceria com a ViacomCBS para poder trazer algumas boas notícias [tradução literal de seu programa] para tantas outras pessoas!”, afirmou o ator e também cineasta ao confirmar a notícia. 

“Desde o primeiro episódio, nosso objetivo era criar um programa de notícias dedicado inteiramente a boas notícias. Nunca esperei me juntar às fileiras de uma organização de notícias tão histórica como a CBS”, ressaltou ele.

Krasinski ultimamente tem feito diversas parcerias com relação a projetos. É o caso da série Jack Ryandesenvolvida para a Paramount TV, e também da franquia dos filmes Um Lugar Silencioso, estrelados por ele e sua esposa, Emily Blunt. 

Texto escrito por Matheus Rocha da Silva via Nexperts.